Buscar
  • Ikaro Antonio

O impacto da Internet das Coisas (IoT) no shopping

Atualizado: 25 de Jul de 2019



A Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês) é o conceito tecnológico do momento em diversos setores do mercado. Na construção civil, a inovação costuma ser a grande diferença para o bom resultado de um empreendimento e proporciona diversas vantagens para os compradores dos imóveis. A IoT é a tecnologia mais desejada pelos clientes e empreendedores.


Mas existe um setor que pode ser impactado de maneira intensa pela Internet das Coisas: o de shopping centers. O uso dessa tecnologia no setor de varejo vai desde a gestão dos estoques até os processos de venda nas lojas, ou seja, todo a cadeia de operações pode ser influenciadas pela Internet das Coisas.


Mas afinal, o que é a IoT? Saiba, neste texto, como funciona a tecnologia e em quais frentes ela pode auxiliar na gestão de shoppings.


O que é a Internet das Coisas?


A Internet das Coisas se refere à conexão de itens do dia a dia à rede mundial de computadores. Esses itens vão desde eletrodomésticos, meios de transporte e até mesmo vestuário.


O objetivo é unir o mundo físico ao digital e proporcionar ao usuário as vantagens dessa integração, como uso mais inteligente dos utensílios, comunicação entre aparelhos, comodidade e controle total da rotina, entre diversas outras coisas.


Como funciona a IoT?


Os itens se conectam à internet por meio de dispositivos diversos. Podem ser maçanetas que acionam outros dispositivos quando você chega em casa; óculos com tecnologia digital que proporcionam realidade aumentada; softwares em relógios que monitoram seus sinais físicos em prol de atitudes mais saudáveis no dia a dia, entre outros.


Em resumo, qualquer objeto pode ganhar mais funcionalidade quando conectado à internet e cada vez mais produtos ganham aplicações: equipamentos de gestão de estoques e mesmo inovações nos locais de vendas (como totens informativos e QR codes, por exemplo) assumem o conceito em prol da eficiência dos processos.


Qual impacto da IoT nos shoppings centers?


Como vimos, a IoT pode ajudar a gestão de varejo por meio de equipamentos que fornecem dados importantes para o dia a dia de trabalho. Podem ser analisadas informações em tempo real que captam padrões de comportamento e curvas de vendas, por exemplo.


Os shoppings, como sabemos, é uma das grandes preferências dos consumidores brasileiros na hora das compras e as tecnologias são bem assimiladas pelos clientes. Por isso, a IoT pode ajudar os lojistas a captar informações valiosas sobre os hábitos e preferências dos clientes por meio do oferecimento de benefícios e interações em aplicativos (estratégias de gamificação).


O objetivo principal do uso das novas tecnologias no shopping é acompanhar a jornada do consumidor. O trajeto que ele faz no centro de compras determina as decisões estratégicas tanto do administrador quanto do lojista.


Confira os principais benefícios da IoT para o segmento de shoppings:


1. Permite o gerenciamento da cadeia de suprimentos de maneira eficiente


Com tecnologias IoT, os lojistas podem monitorar toda a cadeia de suprimentos (por meio de aplicativos de rastreamento de entregas, por exemplo) e tomar decisões mais acertadas de acordo com o status de fornecimento.


2. Melhora o acompanhamento de inventário na loja


O rastreamento do inventário precisa ser feito de maneira precisa. Tecnologias IoT dão mais visibilidade para a localização de itens de estoque e melhora o controle. Isso é possível por meio de implantação de chips RFID, sensores e beacons sincronizados com sistemas back office.


3. Reduz o índice de furtos


A IoT pode ajudar a conter o roubo de itens, pois adiciona uma camada de visibilidade e rastreabilidade para os itens do inventário. Seja com chips ou câmeras inteligentes combinados com o aprendizado adquirido por meio de inteligência artificial.


4. Aumenta a produtividade dos funcionários das lojas


A IoT aumenta a produtividade ao proporcionar mais assertividade na identificação das necessidades de cada cliente no período de compra. É um fator muito importante para o fechamento das vendas por parte da equipe responsável.

O monitoramento do tráfego, por exemplo, permite saber se os clientes frequentam determinada área de exposição de produtos. Com isso, verifica-se a necessidade de ajustes de layout, o que aumenta o índice de conversão.


A IoT permite levar inteligência aos shoppings centers. E lojas inteligentes chamam atenção do consumidor brasileiro. Além disso, ela permite a criação de ações inovadoras em prol das experiências de compra e fidelização.


A tecnologia é uma tendência com grande futuro pela frente. Os gestores de shoppings precisam estar atento às novidades que surgem para melhorarem seus resultados e se destacarem em um mercado que se depara com consumidores mais antenados e que valorizam grandes experiências.

1 visualização
  • Branca Ícone Instagram
  • White Facebook Icon
  • White LinkedIn Icon

©2019. Orgulhosamente criado por Ikaro Antonio

Fique por dentro das principais novidades sobre o mercado digital.
WhatsApp-icone.png